fbpx

Como anda a participação dos seus alunos em suas aulas?

Para uma participação ativa dos nossos estudantes em sala de aula, seja virtual ou presencial na escola, precisamos criar situações de aprendizagem, que chamem a participação, que valorizem a expressão das crianças, adolescentes e jovens, que incentivem a autonomia e a criatividade, que levem a reflexão, que desafiem os alunos na busca de soluções e respostas, entre outras coisas, o que nem sempre é tarefa fácil de se fazer. Mas aulas onde os alunos são apenas espectadores desmotivam o estudo, levam ao desânimo e podem contribuir como um dos elementos que levam ao abandono escolar.

Mas o que podemos fazer?

São muitas as possibilidades que levam a participação ativa dos alunos, onde além de consumidores, passam a ser também  produtores de conteúdos e conhecimentos.

Compartilho com vocês, uma dessas possibilidades, uma proposta que venho fazendo há anos com meus alunos, que vai “chacoalhar sua sala de aula”, o jornal escolar.

Um projeto que explora a interdisciplinaridade, envolve diferentes linguagens e que pode render muita aprendizagem, além de ser muito prazeroso para todos, e que tem como produto final um material a ser compartilhado. Pode ser realizado com alunos em diferentes anos, com adaptações e de acordo com a complexidade possível para cada idade. Já desenvolvi com os pequenos na alfabetização, com os maiores de 3º ao 5º ano e com alunos da EJA -Educação de Jovens e adultos.

Jornal escolar

Os alunos adoram assumir os papéis de “jornalistas e repórteres”, se sentem importantes ao entrevistar pessoas, pesquisar assuntos, fotografar para as matérias, debater os temas, apurar fatos, e tudo mais que envolve a produção do jornal. Isso tudo sem contar todas as habilidades que podem ser desenvolvidas nas práticas de linguagem: oralidade, leitura e escrita, a partir da exploração dos textos das esferas jornalísticas, que estão previstas na BNCC desde o 1º ano do ensino fundamental e que fazem parte dos currículos, sem deixar de lado habilidades de outras disciplinas.

Veja abaixo algumas dessas habilidades, em Língua Portuguesa, do 1º aos 5º anos.

(EF12LP11) Escrever, em colaboração com os colegas e com a ajuda do professor, fotolegendas em notícias, manchetes e lides em notícias, álbum de fotos digital noticioso e notícias curtas para público infantil, digitais ou impressos, dentre outros gêneros do campo jornalístico, considerando a situação comunicativa e o tema/assunto do texto.

(EF03LP22) Planejar e produzir, em colaboração com os colegas, telejornal para público infantil com algumas notícias e textos de campanhas que possam ser repassados oralmente ou em meio digital, em áudio ou vídeo, considerando a situação comunicativa, a organização específica da fala nesses gêneros e o tema/assunto/ finalidade dos textos.

(EF04LP17) Produzir jornais radiofônicos ou televisivos e entrevistas veiculadas em rádio, TV e na internet, orientando-se por roteiro ou texto e demonstrando conhecimento dos gêneros jornal falado/televisivo e entrevista.

(EF04LP16) Produzir notícias sobre fatos ocorridos no universo escolar, digitais ou impressas, para o jornal da escola, noticiando os fatos e seus atores e comentando decorrências, de acordo com as convenções do gênero notícia e considerando a situação comunicativa e o tema/assunto do texto.

(EF05LP17) Produzir roteiro para edição de uma reportagem digital sobre temas de interesse da turma, a partir de buscas de informações, imagens, áudios e vídeos na internet, de acordo com as convenções do gênero e considerando a situação comunicativa e o tema/assunto do texto.

Mas como fazer?

O professor pode:

  • propor a produção de um jornal completo com sua turma, com as principais seções;
  • propor a produção de uma ou mais seções, escolhendo o gênero textual que será explorado;
  • combinar a produção completa com toda a escola, onde cada turma fica encarregada de produzir uma parte do jornal. As turmas de alfabetização da escola, podem escrever legendas das fotos, os classificados ou uma entrevista, por exemplo.
  • selecionar e escolher com a turma e ou toda a escola, os temas que serão abordados, que podem ser do cotidiano escolar, da comunidade no entorno, de interesse dos alunos etc. Jornais temáticos são boas opções para se iniciar a produção de um jornal escolar. Veja alguns exemplos de temas: Meio Ambiente (o destino do lixo escolar e da comunidade); Saúde (Como a escola e a família podem se prevenir quanto a Covid); Cultura (O acesso de alunos aos livros e a leitura).
  • Propor o jornal escrito, no formato impresso e a partir dele propor a produção no formato digital, ou em vídeo ou oral;

O projeto jornal pode ser desenvolvido em até um mês de aula, em um bimestre, ou mesmo durante todo o ano escolar, com mais de uma edição produzida pelos alunos, mas a definição quanto ao tempo e espaço que irá ocupar dentro do planejamento e rotina da turma, depende das necessidades de aprendizagem dos alunos e habilidades a serem desenvolvidas. O professor deve selecionar quais são as habilidades que pretende desenvolver com os alunos dentro da oralidade, da leitura e escrita.

Onde encontro materiais de referência e de apoio ao desenvolvimento do jornal?

Os primeiros jornais que fiz com meus alunos foram reproduzidos com o uso do mimeógrafo a base de álcool e estêncil, depois com passar do tempo passei a usar uma impressora onde eram reproduzidos em papel jornal, coloridos e com fotos. O layout que era criado no desenho e com uso de régua no início, passou a ser definido com o uso dos computadores e recursos digitais. Mas hoje podemos conta ainda mais com materiais  e recursos disponibilizados gratuitamente para o planejamento e desenvolvimento do jornal.

Veja abaixo, alguns materiais e conteúdos que vão contribuir muito na produção do jornal escolar:

1. Site Jornal Escolar

Tem tudo o que o professor  precisa: A base teórica para compreender a importância do trabalho com jornal em sala de aula;  dados de pesquisas sobre seu uso escolar; orientação a todas as etapas de desenvolvimento; sequencias didáticas; planos de aulas; vídeos com práticas ; passo-a-passo da diagramação com diversos modelos editáveis e muito, muito mais.

http://www.jornalescolar.org.br/

4. Jornal voltado para crianças, mas só com assinatura

https://jornaldacrianca.com.br/

5. Plataforma de armazenamento para publicação e acesso de todos ao jornal escolar produzido.

https://issuu.com/

Agora, mãos na massa! Acesse os materiais, estude e planeje, se inspire e use todos os recursos disponíveis para criar um jornal escolar com sua turma ou toda a escola. Você vai ver como a participação dos alunos vai ser muito ativa e como podem avançar na aprendizagem. Deixe seu comentário sobre o uso do jornal em sala de aula. Já fez? Usa outros recursos tecnológicos? Como foram as participações  dos alunos?

Um grande abraço e até o próximo post aqui na coluna!

Mara Mansani 

Sobre a autora do post

Mara Mansani

Mara Mansani

Colunista

Professora há quase 30 anos, lecionou em vários segmentos, da Educação Infantil ao 5º ano do Ensino Fundamental, passando também pela Educação de Jovens e Adultos (EJA). Recebeu o Prêmio Educador Nota 10, na área de Alfabetização, com o projeto Escrevendo com Lengalenga.