fbpx

Saiba mais sobre um recurso chamado infográfico

By 02/06/2021ATIVAR

Olá, prof! Você já pensou em explorar um recurso chamado infográfico? Sabe o que é? Já criou um? Pois é sobre isso que vamos conversar.

Infográfico é uma representação visual que traz consigo dados, informações, conceitos ou mesmo fenômenos, por exemplo. A base de um infográfico é a necessidade de comunicar algo, por isso, utiliza-se de recursos visuais variados, com o objetivo de tornar aquela informação o mais clara possível. Como é um recurso visual, os infográficos tornam a informação mais atraente, chamando a atenção do leitor para os tópicos elencados e servindo como recurso para elucidar situações.

Nesse sentido, ao olharmos para a educação, podemos enxergar o potencial dos infográficos em várias esferas: pelas vias da comunicação, da criatividade, do trabalho colaborativo, da síntese e da possibilidade de se explorar outros caminhos para explicar um fenômeno. E já que entramos no nosso campo, que tal analisarmos como a BNCC aborda os infográficos? Veja:

“As práticas de linguagem contemporâneas não só envolvem novos gêneros e textos cada vez mais multissemióticos e multimidiáticos, como também novas formas de produzir, de configurar, de disponibilizar, de replicar e de interagir. As novas ferramentas de edição de textos, áudios, fotos, vídeos tornam acessíveis a qualquer um a produção e disponibilização de textos multissemióticos nas redes sociais e outros ambientes da Web. Não só é possível acessar conteúdos variados em diferentes mídias, como também produzir e publicar fotos, vídeos diversos, podcasts, infográficos, enciclopédias colaborativas, revistas e livros digitais et” (BNCC, p. 68)

Infográficos são uma ótima forma de trabalhar com divulgação científica, comunicação, apresentação de dados, representação de fenômenos, explicar conceitos, compartilhar ideias e síntese de notícias, por exemplo. Para o desenvolvimento de habilidades, a BNCC também aponta algumas possibilidades, veja alguns exemplos para o ensino fundamental e médio:

(EF69LP33) Articular o verbal com os esquemas, infográficos, imagens variadas etc. na (re)construção dos sentidos dos textos de divulgação científica e retextualizar do discursivo para o esquemático – infográfico, esquema, tabela, gráfico, ilustração etc. – e, ao contrário, transformar o conteúdo das tabelas, esquemas, infográficos, ilustrações etc. em texto discursivo, como forma de ampliar as possibilidades de compreensão desses textos e analisar as características das multissemioses e dos gêneros em questão (BNCC, p. 151).

(EF09LI12) Produzir textos (infográficos, fóruns de discussão on-line, fotorreportagens, campanhas publicitárias, memes, entre outros) sobre temas de interesse coletivo local ou global, que revelem posicionamento crítico (BNCC, p. 263)

(EM13LP45) Analisar, discutir, produzir e socializar, tendo em vista temas e acontecimentos de interesse local ou global, notícias, fotodenúncias, fotorreportagens, reportagens multimidiáticas, documentários, infográficos, podcasts noticiosos, artigos de opinião, críticas da mídia, vlogs de opinião, textos de apresentação e apreciação de produções culturais (resenhas, ensaios etc.) e outros gêneros próprios das formas de expressão das culturas juvenis (vlogs e podcasts culturais, gameplay etc.), em várias mídias, vivenciando de forma significativa o papel de repórter, analista, crítico, editorialista ou articulista, leitor, vlogueiro e booktuber, entre outros (BNCC, p. 522).

Mas, Emilly, onde encontro ferramentas que sirvam para a criação dos infográficos? É para isso que chegamos até aqui! Lembre-se que você pode criar infográficos como parte adicional aos seus conteúdos, mas também pode desafiá-los a criarem uma apresentação nesse formato. Vamos conhecer três ferramentas digitais simples que você pode explorar? Vamos lá:

  1. Canva – www.canva.com
  2. Infogram – www.infogram.com 
  3. Venngage – www.pt.venngage.com

Sugestão final: explore as ferramentas, entenda o que serve para o seu contexto, o seu componente e verifique a intencionalidade no uso de infográficos com os seus alunos: 1. Qual é o meu objetivo? 2. Que competências espero que desenvolvam? 3. Quanto tempo terão para realizar esse desafio? 4. Como serão avaliados? Deixe esses três itens claros para que todo o processo seja transparente e os estudantes entendam a importância dessa atividade, do uso dessas ferramentas e como serão avaliados.

Um grande abraço digital,

Professora Emilly | @seligaprof

Sobre a autora do post

Emilly Fidelix

Emilly Fidelix

Colunista

Emilly Fidelix é criadora do @seligaprof, onde impacta milhares de professores de todo o Brasil, palestrante e formadora de professores. É doutoranda em História Cultural (UFSC), especialista em Tecnologias, Comunicação e Técnicas de Ensino (UTFPR), colunista no blog Redes Moderna e professora de pós-graduação no Instituto Singularidades. Atua nas áreas de metodologias ativas, storytelling aplicado à educação e BNCC.