5 Ferramentas digitais para otimizar a avaliação dos estudantes

Estamos vivenciado um momento de inovação na Educação onde muitos de nós professores temos levado diferentes formas de conceber a aprendizagem para dentro da sala de aula. Diante desse movimento, quais ferramentas otimizam a avaliação dos estudantes?

Como educadores, temos a expectativa de que nossos alunos desenvolvam habilidades nas diferentes áreas e componentes curriculares, como resolver problemas, argumentar, pesquisar com critérios estabelecidos. Para transformar essas probabilidades em realidade, o processo passa pelo planejamento, execução das atividades planejadas e avaliação.

A prática pedagógica só possui um ciclo completo quando realizamos a avaliação. Ela é a essência para qualquer prática educativa. O olhar reflexivo possibilita a sistematização do que foi realizado e a absorção do que foi aprendido ao longo de todo o processo, o que ajuda a determinar intervenções. A aprendizagem demanda diferentes instrumentos de avaliação e o foco é no processo e não no produto final.

Ferramentas digitais no processo de avaliação

A diversidade de instrumentos de avaliação para serem instrumentos de aprendizagem, podem constituir um grande desafio, perpassando nas diferentes modalidades (diagnóstica, dialógica, formativa e contínua). Hoje temos uma infinidade de ferramentas digitais que colaboram para otimização da avaliação, entre elas, destacamos algumas que trazem dinamismo ao processo avaliativo e pode ser usada para substituir as avaliações tradicionais.

Sobre a autora do post

Débora Garofalo

Débora Garofalo

Colunista

Formada em Letras e Pedagogia, pós-graduada em Língua Portuguesa pela Unicamp e mestranda em Educação pela PUC de SP. É professora de Tecnologias, trabalha com Cultura Digital, Robótica com sucata/livre, programação e animações; e implementação em tecnologias em Escolas Públicas. Vencedora na temática Especial Inovação na Educação no Prêmio Professores do Brasil e Finalista no Global Teacher Prize, considerado o Nobel da Educação.

É uma plataforma gratuita que reúne elementos de interatividade que podem ser agregados a avaliação escolar, possibilitando vídeos, animações, games, infográficos, simuladores que enriquecem o conhecimento, possibilitando uma extensão da sala de aula.

No contexto da aprendizagem as ferramentas de colaboração pode ser uma grande aliada o Google Sala de Aula, que possui um grande potencial de personalizar o ensino, reforçando o trabalho em equipe e o pensamento crítico. A ferramenta possibilita a professores e estudantes usufruírem de recursos que tornam o processo de aprendizado mais produtivo, integrando celular de forma dinâmica e fomentando a exposição dos conteúdos, organização da rotina escolar e acesso aos materiais didáticos.

O professor pode delegar tarefas e trabalhos colaborativos, dos quais todos os alunos podem participar, com direito a buscas na Internet. O docente pode gerenciar o trabalho, acompanhando o empenho e dificuldades dos estudantes. A ferramenta possibilita o envio de trabalhos e a realização de avaliações com descrições e prazos. Tanto o professor quanto os alunos podem incluir materiais multimídia como vídeos, áudios e links da internet. A tarefa pode ser enviada para mais de uma turma.

A ferramenta é gratuita, sendo um instrumento interativo, que possibilita criar grupos de estudos e compartilhar materiais junto aos estudantes, possibilitando criar conteúdo, incluindo mapas mentais, quizzes, flashcards, slides e anotações, dando dinamismo ao processo de avaliação. Ao acessar o site, o docente cria uma conta no site, informando sua disciplina.

Com a ferramenta é possível criar aulas interativas em minutos, importando recursos para despertar a atenção dos estudantes e adicionando recursos interativos, como viagens de campos virtuais, objetos 3D, questionários, enquetes, podendo ser usado pelo celular.

É uma plataforma que otimiza o tempo do professor com um sistema de gestão, capaz de realizar correção automática de questões objetivas e ofertar relatórios de desempenho dos estudantes. Ainda dentro da ferramenta é possível criar um banco de questões e montar um layout avaliativo. A ferramenta oferece a versão gratuita.

As ferramentas digitais permitem a construção do diálogo e ao professor acompanhar a aprendizagem dos estudantes – e a partir dos resultados tomar as decisões pertinentes, intervindo no processo de aprendizagem, ao despertando o interesse e permitindo interação.

Para atingir objetivos diferenciados, é necessário repensarmos a forma que avaliamos nossos alunos, dando a eles a oportunidade de participar da elaboração destes critérios.

E você querido professor, quais ferramentas digitais utiliza para otimizar a avaliação? Conte aqui, nos comentários e contribua com novas práticas pedagógicas.

Um abraço,

Débora