Olimpíadas em Olímpia: Aspectos dos Jogos Olímpicos na Grécia Antiga

Boa tarde, amigos modernos.

Estamos em clima olímpico. Durante as próximas semanas, faremos alguns posts sobre os Jogos Olímpicos e a importância do evento para a economia, para a união e para a evolução das nações envolvidas.

Hoje, vamos começar conhecendo um pouco da história dos Jogos no post escrito pela assessora de História da Editora Moderna, Melanie Lauro. Vamos entender como os gregos tiveram a ideia de criar a competição e qual é o significado para as nações atualmente.

 

Como tudo começou… 

A cada quatro anos acompanhamos um grande evento esportivo: as Olimpíadas. Nações com diferentes culturas, etnias e formas de governar compartilham experiências e emoções durante um mês em uma competição de diversas modalidades esportivas. A bandeira olímpica, formada por anéis entrelaçados, simboliza esse espírito esportivo e a cooperação entre os povos.

Bandeira Olímpica representando os cinco continentes

A origem dos Jogos Olímpicos remete à Grécia Antiga, por volta de 2.500 a. C. A competição foi criada como homenagem a Zeus, divindade suprema que protegia a humanidade. Naquela época, apenas homens livres descendentes de pessoas nascidas nas cidades da região do Peloponeso ou que falassem a língua grega podiam participar do evento. Mulheres, prisoneiros de guerras e estrangeiros não participavam dos Jogos Olímpicos.

Durante a competição, que acontecia no Santuário de Olímpia, selavam-se acordos de cessar fogo e cidades inimigas mantinham um tratado de paz para que pessoas de diversas regiões, como Esparta e Tebas, pudessem circular livremente. Em pararelo ao evento esportivo, ocorriam outros festivais religiosos e encontros entre mercadores, possibilitando trocas de informações.

Santuário de Olímpia: local de realização das primeiras Olimpíadas

 

Poucos sabem, mas as Olimpíadas nem sempre foram marcadas por eventos esportivos. Quando foram criados, os Jogos Olímpicos da Antiguidade Clássica eram festivais religiosos, em que se realizavam sacrifícios e rituais em homenagem aos deuses. Além disso, durante o período, realizavam-se pequenas competições de vários esportes, inseridos gradativamente, como a luta greco-romana, que se tornou parte da educação dos jovens desde o século 10 a. C.

A violência fazia parte de algumas modalidades. O boxe, por exemplo, não contava com os instrumentos de proteção de hoje, como luvas e capacetes, e as regras não aliviam os golpes. Por conta disso, alguns competidores morriam em decorrência do excesso de hematomas e fraturas, e seu adversário era intensamente aplaudido pela plateia.

A violência retratada durante uma luta olímpica.

O Pentatlo também era um conjunto de provas extremamente importantes durante os Jogos de Olímpia. Os participantes lançavam discos, dardos e realizavam-se saltos em distância. As dificuldades, como os pesos dos dardos e dos discos e também pelo efeito do vento sobre esses instrumentos, intensificavam a competição.

As corridas no stuadium de Olímpia se aproximavam aos 200 metros atuais. A diferença é que o trajeto era totalmente feito em linha reta e os atletas não podiam usar calçados. O campeão dessa prova ganhava uma coroa de oliveira, considerada como presente dos deuses. A última disputa, a corrida com armas simbolizava o final dos Jogos Olímpicos e, consequentemente, o fim da trégua entre os países.

Os campeões de Olímpia

A série “Campeões de Olímpia” exibido pela Discovery Channel reencenou os jogos olímpicos da antiguidade clássica. Atletas de vários países aceitaram o desafio de “reviver” os jogos olímpicos gregos por meio de uma reconstituição arquitetônica e histórica. É uma dica bacana para quem quer saber mais sobre a história dos Jogos Olímpicos:

Join the discussion 3 Comments

  • bruna Campos disse:

    Gostei bastante desse conteudo.Até agora é o mais completo!Parabens

  • cat y love disse:

    não tem nada há ver com o que euu estou procurando.

  • Katia Dutra disse:

    Olá,
    Que pena que não pudemos ajudá-la.
    Se você quiser mais algum material sobre esse assunto, envie email para apoiohistoria@moderna.com.br
    A nossa assessora especialista na disciplina poderá te ajudar com suas dúvidas.

    Estamos à disposição.

    Abraços

Leave a Reply