Seminário Aprova Brasil no Rio de Janeiro reúne 580 participantes

Por | Avaliação, Seminário Aprova Brasil 2015 | Sem comentários

O Seminário Aprova Brasil reuniu 580 educadores da rede pública do estado do Rio de Janeiro. O encontro aconteceu no 02 de junho na capital carioca e teve como tema central as avaliações nacionais de aprendizagem. Os participantes acompanharam a apresentação de cases de sucesso de Secretarias Municipais da Educação do Rio de Janeiro e a palestra de Cipriano Luckesi, uma das maiores referências no tema.

Clique na imagem abaixo e confira todas as fotos do evento

Seminário Aprova Brasil Rio de Janeiro

Apresentações

Confira o material apresentado por Vania Maria Machado de Oliveira, representante da SEEDUC-RJ, durante o encontro:

Confira também a apresentação de Antonio Augusto Alves Mateus Filho, representante da SME-RJ:

Sobre o Seminário Aprova Brasil

Com organização da Fundação Santillana e da Editora Moderna, o evento tem como objetivo apresentar um panorama das avaliações nacionais da alfabetização em três realidades: nas escolas, nos estados e no Brasil. A partir do encontro, gestores do município, diretores, coordenadores e professores de escolas dos anos iniciais do Ensino Fundamental podem aprimorar estratégias baseadas na análise e interpretação dos resultados da avaliação e conquistar grandes resultados na aprendizagem dos alunos.

Amplie conhecimentos

Para complementar as discussões apresentadas durante os encontros do Seminário Aprova Brasil, a Editora Moderna oferece uma série de obras produzidas por grandes especialistas para download gratuito. Clique aqui e acesse o nosso site e confira o acervo completo de obras.

Sugestão

O livro Educação.doc reúne as histórias retratadas na série de documentários “Educação.doc” sobre escolas públicas de qualidade, produzida pelos cineastas Luiz Bolognesi e Laís Bodanzky. Acompanha o DVD com a íntegra dos episódios da série exibidos na GloboNews. Organizado em seis capítulos, sintetiza depoimentos de professores, alunos, pais, diretores e funcionários que conseguiram transformar a realidade escolar em busca de um ensino de excelência, com o envolvimento de toda comunidade.

Consumo, logo existo?

Por | Educação Financeira | Um comentário

Vivemos uma época de contrastes e desequilíbrios. Enquanto bilhões de pessoas passam fome, a obesidade já atingiu o status de epidemia global. O esgotamento dos ativos mais preciosos da natureza convive lado a lado com o desperdício e a ineficiência no uso dos recursos. O consumo desenfreado resulta em excesso de lixo e de resíduos tóxicos que poluem a atmosfera, o solo e a água. E se por um lado, mais de 1 bilhão de pessoas vive com renda inferior a 1 dólar por dia, por outro, as 85 famílias mais ricas do planeta detém 46% da riqueza mundial[1].

Este cenário de extremos nos convida a refletir sobre nossos hábitos e desejos de consumo e desperta algumas perguntas: Afinal, para onde estamos caminhando como humanidade? Qual é o sentido de adotar um estilo de vida consumista? Por quanto tempo nossa espécie irá sobreviver ignorando os impactos do consumo na sociedade e no ambiente? Como realizar meus sonhos e atender às minhas necessidades do presente sem comprometer a capacidade de gerações futuras atenderem suas próprias necessidades?

Estas questões são complexas e merecem ser abordadas com profundidade em sala de aula para ampliar a consciência de crianças e jovens a respeito dos impactos de suas atitudes no meio em que vivem, promovendo sua transformação. Entretanto, para o educador, é essencial saber conciliar a reflexão e a aprendizagem significativa com entretenimento e diversão. Como fazer para tratar de um assunto tão profundo sem torna-lo chato ou pesado?

Andy de Santis é autora do livro Lições de Valor e parceira do blog para o tema Educação Financeira

A obra “Lições de Valor – Educação financeira escolar” traz uma série de atividades lúdicas e dinâmicas que abordam os temas da sustentabilidade e do consumo consciente para alunos de 6º a 9º ano do Ensino Fundamental.

Na unidade 6, intitulada “Quem paga o pato?”, usamos a figura de uma velha calça jeans para demonstrar os principais impactos da sua produção e consumo. Desde o volume de água, terra e fertilizantes químicos usados no momento do cultivo do algodão, passando pelo consumo de combustível, eletricidade, uso de mão de obra e emissão de gases no processo de fabricação e distribuição da calça, até o preço final do produto, contabilizamos os custos financeiros, sociais e ambientais de um item que certamente faz parte da vida cotidiana de crianças e jovens. Depois de conhecer sobre estes impactos, os alunos são convidados a contabilizar o custo total de suas próprias calças jeans para o bolso e o planeta.

Já a unidade 7 “Desejo, necessidade, vontade” compara os hábitos e as despesas de alimentação de duas famílias de culturas totalmente distintas para dialogar com os alunos sobre as diferenças entre querer e precisar, e propõe ao jovem o desafio de viver sem algo que gosta muito de comer, fazer ou comprar durante uma semana, registrando suas percepções ao final da experiência.

Como já abordamos neste post, educação financeira vai muito além do dinheiro e pode ser uma janela para introduzir a reflexão das pessoas sobre os impactos de suas escolhas de consumo no bolso, no ambiente e na comunidade onde vivem no presente e no futuro.

Lições de Valor: Educação Financeira escolar

Eu sou Andyara de Santis Outeiro, autora do livro e estou aqui para dialogar com você sobre os conteúdos da obra e trazer dicas sobre educação financeira para aplicar na escola e na vida. Aproveite o espaço, traga seus dilemas, dúvidas e experiências. Vamos aprender juntos?

Professor, o que vai cair na prova?

Por | Avaliação, Dicas | 2 Comentários

Em um comentário no post anterior, uma leitora sugeriu o tema descritores para a nossa conversa. Então, vamos lá!

Quando nosso objetivo é avaliar a qualidade de um fato, como, por exemplo, a aprendizagem de um educando ou qualidade de uma rede de escolas, precisamos, necessariamente, passar pelos seguintes três passos:

Definir objetivos: o que queremos avaliar?

Pode ser um conteúdo, a compreensão de um procedimento, ou seja, algo claro, objetivo e, principalmente, passível de mensuração pelo instrumento que será utilizado (prova, trabalho, observação etc.).

Estabelecer critérios: qual deverá ser a compreensão do aluno? 

Refere-se ao nível de desenvolvimento e compreensão que o aluno deverá demonstrar para que consideremos que ele aprendeu o que era necessário e que está apto para seguir em frente.

Perceber as evidências: como o aluno pode demonstrar que domina o conhecimento que estamos avaliando?

Respondendo a questões, fazendo um exercício, participando de um debate, desenvolvendo um projeto? Dependendo do objetivo, a percepção das evidências pode ser feita de maneiras diversas.

Juliana Miranda é gerente de Avaliação da Avalia Educacional e nossa parceira para o tema Avaliação

No contexto de um processo educacional voltado ao desenvolvimento de competências, os descritores estão diretamente relacionados ao primeiro passo do processo avaliativo, isto é, à definição de objetivos, à descrição de ações que, esperamos, sejam realizadas pelos alunos de maneira eficaz e pertinente. Portanto, não se trata de um conteúdo a ser cobrado, mas sim, um comportamento ou uma habilidade que o aluno deve demonstrar.

Em processos de verificação externos aplicados em larga escala, como a Prova Brasil, o Saeb, a ANA ou o Enem, o conjunto de descritores de cada área do conhecimento são organizados em documentos intitulados Matrizes de Referência. É comum encontrarmos nomenclaturas diferentes em cada um desses materiais relacionados a programas específicos de avaliação, por isso, usualmente, os descritores também são chamados de habilidades.

As informações contidas nas Matrizes de Referência, portanto, proporcionam transparência ao processo avaliativo e são muito interessantes para o estudo de gestores educacionais e professores interessados pelo assunto.

Você sabia?

Philippe Perrenoud, sociólogo suíço, é uma das principais referências sobre o termo competência. Ao considerar aspectos e necessidades atuais, como as possibilidades oferecidas pela sociedade globalizada, o desenvolvimento tecnológico, o maior acesso aos meios de informação e comunicação, as exigências do mercado de trabalho, o perfil das crianças e jovens das novas gerações, o autor define competência como a faculdade de mobilizar um conjunto de recursos cognitivos (saberes, capacidades, informações, habilidades etc.) para solucionar com pertinência e eficácia uma série de situações.

Através dos links a seguir, você pode ter acesso às Matrizes de Referência das principais avaliações nacionais:

Avaliação Nacional da Aprendizagem (ANA): goo.gl/Bw1OME

Saeb e Prova Brasil: goo.gl/2vIMgJ

Enem: goo.gl/aBfFIi

Escrito por Juliana Miranda

Bacharel em Ciências Sociais/USP e mestre em Educação/PUC-SP e gerente de avaliação da Avalia Educacional

Referências bibliográficas:

ALVES, Julia Falivene. Avaliação educacional: da teoria à prática. Rio de Janeiro: LTC, 2013.

LUCKESI, Cipriano. Avaliação da aprendizagem escolar. 19ª ed. São Paulo: Cortez, 2008.

Seminário Aprova Brasil em Salvador supera expectativas

Por | Eventos, Seminário Aprova Brasil, Seminário Aprova Brasil 2015 | 5 Comentários

O Seminário Aprova Brasil em Salvador (BA) aconteceu no dia 23 de maio e contou com a presença de 700 profissionais da educação estadual da Bahia. O evento teve como tema central as avaliações nacionais de aprendizagem e o manuseio dos resultados para a mudança da realidade. Os participantes assistiram à apresentação de projetos de sucesso de Secretarias Municipais da Educação e à palestra de Cipriano Luckesi, uma das maiores referências do tema no Brasil.

Clique na imagem abaixo e confira todas as fotos do evento

IMG_9100

Confira a apresentação de Gelcivânia Mota Silva, representante da Secretaria Municipal de Educação de Serrinha (BA),  no Seminário Aprova Brasil

Sobre o Seminário Aprova Brasil

Com organização da Fundação Santillana e da Editora Moderna, o evento tem como objetivo apresentar um panorama das avaliações nacionais da alfabetização em três realidades: nas escolas, nos estados e no Brasil. A partir do encontro, gestores do município, diretores, coordenadores e professores de escolas dos anos iniciais do Ensino Fundamental podem aprimorar estratégias baseadas na análise e interpretação dos resultados da avaliação e conquistar grandes resultados na aprendizagem dos alunos.

Amplie conhecimentos

Para complementar as discussões apresentadas durante os encontros do Seminário Aprova Brasil, a Editora Moderna oferece uma série de obras produzidas por grandes especialistas para download gratuito. Clique aqui e acesse o nosso site e confira o acervo completo de obras.

Sugestão

O livro O que revela o espaço escolar? Um livro para diretores de escola analisa as condições físicas das escolas e apresenta sugestões de melhoria nos ambientes, com o objetivo de favorecer a aprendizagem e o convívio nas instituições. Reúne dicas práticas para intervenções em todos os espaços escolares e orienta os gestores sobre como organizar um projeto institucional e acompanhar o cronograma e manutenção das ações, envolvendo toda comunidade escolar.

Seminário Aprova Brasil em Recife (PE) conta com 700 participantes

Por | Eventos, Seminário Aprova Brasil 2015 | Um comentário

O encontro do Seminário Aprova Brasil em Recife (PE) reuniu mais de 700 educadores de 50 municípios do estado de Pernambuco. O encontro aconteceu no dia 20 de maio e contou com a participação de representantes de Secretarias Municipais da Educação. Os presentes assistiram a apresentações de cases de sucesso e à palestra sobre Avaliação da Aprendizagem, ministrada por Cipriano Luckesi, uma das grandes referências do tema no Brasil.

Clique na imagem abaixo e confira todas as fotos do evento

_MG_8041

Sobre o Seminário Aprova Brasil

Com organização da Fundação Santillana e da Editora Moderna, o evento tem como objetivo apresentar um panorama das avaliações nacionais da alfabetização em três realidades: nas escolas, nos estados e no Brasil. A partir do encontro, gestores do município, diretores, coordenadores e professores de escolas dos anos iniciais do Ensino Fundamental podem aprimorar estratégias baseadas na análise e interpretação dos resultados da avaliação e conquistar grandes resultados na aprendizagem dos alunos.

Amplie conhecimentos

Para complementar as discussões apresentadas durante os encontros do Seminário Aprova Brasil, a Editora Moderna oferece uma série de obras produzidas por grandes especialistas para download gratuito. Clique aqui e acesse o nosso site e confira o acervo completo de obras.

Sugestão

O livro Educação.doc reúne as histórias retratadas na série de documentários “Educação.doc” sobre escolas públicas de qualidade, produzida pelos cineastas Luiz Bolognesi e Laís Bodanzky. Acompanha o DVD com a íntegra dos episódios da série exibidos na GloboNews. Organizado em seis capítulos, sintetiza depoimentos de professores, alunos, pais, diretores e funcionários que conseguiram transformar a realidade escolar em busca de um ensino de excelência, com o envolvimento de toda comunidade.

Educador, como vai sua relação com o dinheiro?

Por | Dicas, Educação Financeira, Novidades | 3 Comentários

Um dos principais motivos para aceitar o convite da Editora Moderna para escrever a obra “Lições de Valor – Educação financeira escolar” foi a oportunidade de dialogar não somente com os alunos e suas famílias, mas também com os educadores.

Reverencio a profissão de educador pelo seu papel transformador na sociedade, mediando a relação de crianças, jovens e adultos com o conhecimento. Infelizmente, nosso país ainda carece de preparo e maturidade para reconhecer dignamente as pessoas que dão suas vidas a esta missão e escolhem esta profissão por puro amor à causa (sim, sabemos muito bem que o dinheiro não é o principal motivador desta decisão). Por isso considero tão importante educar financeiramente os educadores.

Andy de Santis é autora do livro Lições de Valor e parceira do blog para o tema Educação Financeira

Afinal, quando vivemos em um contexto de recursos limitados, é fundamental saber gerencia-los de forma eficaz. Cada passo precisa ser dado com muito planejamento e controle, afinal um imprevisto pode gerar consequências bastante desagradáveis. A boa notícia é que realizar sonhos não é só para milionários. Construir uma boa relação com o dinheiro depende de alguns aprendizados, dos quais destaco dois: fazer boas escolhas e antecipar riscos.

Para fazer boas escolhas é essencial conhecer seus sonhos, valores e prioridades, saber abrir mão do que não é essencial e investir no que faz realmente sentido para você. Mesmo que a sociedade, a mídia ou os vizinhos pressionem e tentem direcionar suas decisões, só você saberá dizer o que lhe satisfaz, o que nutre a sua essência. Saiba mais sobre este tema neste post.

Para antecipar riscos, é importante considerar que a nossa vida não é uma linha do tempo estável, rígida ou fixa. É um processo dinâmico, vivo, cheio de imprevistos e oportunidades no caminho. Tomar consciência deste processo nos ajuda a estar preparados para situações inesperadas, sejam elas negativas ou positivas. Quantas pessoas se descontrolam financeiramente por não estarem preparadas para uma pane elétrica, uma doença ou a perda de um emprego? E quantas vezes perdemos a oportunidade de fazer um bom investimento ou de aproveitar uma viagem pela metade do preço simplesmente porque não temos recursos reservados para momentos como estes? A falta de antecipação de riscos leva as pessoas a precisar do dinheiro mais caro, disponível em forma de produtos de crédito fácil e rápido. Vale lembrar que quanto mais fácil e rápido for o crédito, maior será o risco do banco não receber o dinheiro de volta, por isso os juros serão maiores também.

Lições de Valor: Educação Financeira escolar

O livro “Lições de Valor – Educação financeira escolar”, lançado pela Editora Moderna para alunos do Ensino Fundamental II é voltado não apenas a alunos e suas famílias, mas também aos educadores. Você terá acesso ao portal do professor, com textos, planilhas e atividades exclusivas para você fazer boas escolhas, antecipar riscos e organizar sua vida financeira. Um exemplo de exercício já está disponível aqui para você experimentar.

Eu sou Andyara de Santis Outeiro, autora do livro e estou aqui para dialogar com você sobre os conteúdos da obra e trazer dicas sobre educação financeira para aplicar na escola e na vida. Aproveite o espaço, traga seus dilemas, dúvidas e experiências. Vamos aprender juntos?

Seminário Aprova Brasil em João Pessoa (PB) apresenta palestra de Cipriano Luckesi

Por | Eventos, Seminário Aprova Brasil, Seminário Aprova Brasil 2015 | Sem comentários

O Seminário Aprova Brasil em João Pessoa (PB) aconteceu no último dia 19 de maio e reuniu mais de 400 educadores do estado da Paraíba. Os presentes acompanharam a apresentação de projetos realizados por Secretarias Municipais da Educação e participaram da palestra de Cipriano Luckesi sobre as Avaliações Nacionais de aprendizagem.

Clique na imagem abaixo e confira todas as fotos do evento

Seminário Aprova Brasil João Pessoa (PB)

Confira o trabalho apresentado por Afonso Gomes Ferreira Filho, subcoordenador da SEEC-RN durante o Seminário:

Sobre o Seminário Aprova Brasil

Com organização da Fundação Santillana e da Editora Moderna, o evento tem como objetivo apresentar um panorama das avaliações nacionais da alfabetização em três realidades: nas escolas, nos estados e no Brasil. A partir do encontro, gestores do município, diretores, coordenadores e professores de escolas dos anos iniciais do Ensino Fundamental podem aprimorar estratégias baseadas na análise e interpretação dos resultados da avaliação e conquistar grandes resultados na aprendizagem dos alunos.

Amplie conhecimentos

Para complementar as discussões apresentadas durante os encontros do Seminário Aprova Brasil, a Editora Moderna oferece uma série de obras produzidas por grandes especialistas para download gratuito. Clique aqui e acesse o nosso site e confira o acervo completo de obras.

Sugestão

O livro 5 Atitudes pela Educação apresenta o conceito das 5 atitudes para a melhoria da educação. Destinado a coordenadores pedagógicos, a obra apresenta estratégias para fomentar iniciativas que envolvam a formação continuada dos professores; o aprendizado dos alunos; e o envolvimento da comunidade escolar para valorizar o protagonismo juvenil.

Seminário Aprova Brasil em Fortaleza reúne mais de 500 educadores

Por | Eventos, Seminário Aprova Brasil, Seminário Aprova Brasil 2015 | Sem comentários

O Seminário Aprova Brasil em Fortaleza (CE) aconteceu no dia 16 de maio e contou com a presença de mais de 500 educadores do estado. Os participantes assistiram a palestras de representantes de Secretarias Municipais da Educação do estado do Ceará e acompanharam a fala de Cipriano Luckesi, uma das maiores referências em Avaliação Educacional no Brasil.

Clique na imagem abaixo e confira todas as fotos do evento

IMG_4133

Confira também a apresentação do Professor Julio Cesar da Costa Alexandre, representante da Secretaria Municipal de Sobral/CE

Sobre o Seminário Aprova Brasil

Com organização da Fundação Santillana e da Editora Moderna, o evento tem como objetivo apresentar um panorama das avaliações nacionais da alfabetização em três realidades: nas escolas, nos estados e no Brasil. A partir do encontro, gestores do município, diretores, coordenadores e professores de escolas dos anos iniciais do Ensino Fundamental podem aprimorar estratégias baseadas na análise e interpretação dos resultados da avaliação e conquistar grandes resultados na aprendizagem dos alunos.

Amplie conhecimentos

Para complementar as discussões apresentadas durante os encontros do Seminário Aprova Brasil, a Editora Moderna oferece uma série de obras produzidas por grandes especialistas para download gratuito. Clique aqui e acesse o nosso site e confira o acervo completo de obras.

Sugestão

O Anuário Brasileiro de Educação Básica 2014 é uma obra de referência que reúne os principais indicadores da Educação Básica brasileira, visando contribuir para os debates e decisões em prol da melhoria da qualidade do ensino. Sua organização está pautada pelas 20 metas do Plano Nacional de Educação. Além de estatísticas oficiais, oferece uma leitura analítica das informações, com séries históricas, dados sociodemográficos, por dependência administrativa, Estados e regiões, etapas de ensino, entre outros.

Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On Google Plus